“May The 4th Be With You”: O Dia de Star Wars vivido em isolamento

Fonte: Olhar Digital

Todos os anos, a 4 de maio, os fãs de Star Wars comemoram a saga criada por George Lucas, com grandes eventos que atraem milhares de pessoas. Este ano, devido a pandemia, as celebrações serão virtuais.

Há mais de 10 anos que os fãs de Star Wars escolheram o dia 4 de maio para celebrar a saga por causa do trocadilho que “May the 4th” permite fazer com a frase icónica “may the Force be with you”.

A pandemia da Covid-19 parou o mundo, obrigando os fãs a celebrar a partir de casa, ao contrário dos últimos anos, em que inúmeros eventos públicos foram realizados.

Desta vez, e para não deixar a tradição morrer, os festejos do dia internacional de Star Wars são virtuais. A Comic Con de Nova Iorque e a ReedPop, entidade responsável pela organização do evento, prepararam uma “convenção virtual” para os fãs de todo o mundo.

As celebrações vão prolongar-se até amanhã, dia 5 de maio. Oficialmente, contudo, o dia será referido como “Revenge of the 5th”, um segundo jogo de palavras, que brinca com a data em que se realiza e com um dos títulos da saga (“Revenge of the Sith”).

A convenção vai tentar manter-se o mais fiel ao original possível. Entre hoje e amanhã, serão coordenados com os fãs o visionamentos de alguns filmes da saga, com direito a reações ao vivo no Twitter.

Na página oficial do Facebook, haverá debates com escritores e atores, bem como sessões de perguntas e respostas, nas quais estarão presentes atrizes que deram vozes a personagens de Star Wars: The Clone Wars, como Ashley Eckstein, a voz de Ahsoka Tano e Vanessa Marshall, que interpretou Hera Syndulla.

No website oficial de Star Wars, haverá também algumas atividades. Entre outras coisas, será possível confecionar comidas inspiradas no universo Star Wars.

Por último, aos “verdadeiros fãs”, a organização deixou ainda o convite de enfeitarem as janelas da sua casa com elementos e frases alusivas à saga.

Em baixo, o Polis disponibiliza um vídeo informativo sobre o dia de hoje, e das celebrações que o acompanham, desde a sua oficialização, até ao presente.